Translate

quinta-feira, setembro 20, 2007

TRABALHOS NA TV

Nara Leão

Por Toda a Minha Vida

Vencedor do Emmy em 2008









 

 

 

 

 

 

 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

***http://www.brasileirinho.mus.br/arquivomistura/171-271007.htm


Crítica: 

Altos e baixos no especial da Globo sobre Nara Leão O especial Por Toda a Minha Vida - Nara Leão, escrito por Patrícia Andrade, dirigido por João Jardim, apresentado por Fernanda Lima e exibido pela TV Globo na sexta, 26, surpreendeu, teve seus méritos, mas também escorregou em alguns pontos. As surpresas começaram já pelas atrizes que interpretaram Nara nos trechos encenados. Inêz Viegas decepcionou: sua voz era muito mais grave do que a de Nara, fisicamente ela não lembra a cantora e não foi convincente como atriz. Já Pérola Faria, que fez a Nara adolescente, esteve ótima. Além de ter ficado mesmo muito parecida com a cantora, ela soube valorizar em especial, aquele que considero o grande momento do programa: a reconstituição da primeira vez que Nara cantou em público. Colocou-se o áudio original do show de 1959, isso foi informado ao telespectador, e a sincronia da voz de Nara com a interpretação de Pérola foi primorosa. Somado a isso, após os primeiros segundos um pouco hesitantes, a Nara real mostrava mesmo que já era uma grande cantora nessa sua versão de "Se é Tarde me Perdoa" (Carlos Lyra - Ronaldo Bôscoli). Pérola Faria poderia muito bem, daqui a alguns anos, viver Nara no cinema. (F.G.)




Paginas da Vida

Giselle Saraiva

Bailarina Bulímica